quarta-feira, 25 de julho de 2012

Salmos 91.1-2 em Hebraico

  הילים פרק צא
Reencontramos aqui a palavra refúgio, em hebraico,סֵתֶר "seter", publicado em Salmos 27.5 e 9. Também pode ser traduzida como "esconderijo", mas refúgio dá sentido de proteção aos que a buscam no Altíssimo. Lembra a proteção que as aves oferecem aos seus filhotes enquanto pequenos e desprotegidos. O justo permanentemente deve buscar esse abrigo e o achará na posição de humildade e pequenez. 
Este é o segundo Salmo composto por Moisés. Ele dedicou essa composição à tribo de Levi, que em particular pode ser descrita como a que habita à sombra do Todo Poderoso por sua total dependência de D'us. Os levitas passavam seus dias servindo no sagrado ambiente do pátio do Templo.
Segundo o Midrash, Moisés compôs esse Salmo no dia em que completou a construção do Tabernáculo, descrevendo ele próprio entrando na Nuvem Divina e envolvido na sombra do Onipotente. Nesse momento, surgiu uma grande pergunta: "Como podia um Tabernáculo, com paredes e cortinas, conter a Presença do Todo Poderoso?" Respondida pelo próprio D'us: "Todo o Mundo não pode conter Minha Glória; contudo, Eu desejo, Eu posso concentrar toda a Minha essência num pequeno ponto. Realmente, Eu Sou o Todo Poderoso e, no entanto, eu fico num ( limitado) refúgio - na sombra do Tabernáculo construído por Betzalel."
Neste Salmo há uma linda promessa ao homem que se deleita na Palavra: "Eu o satisfarei com vida longa e lhe mostrarei Minha salvação." 






1.  יֹשֵׁב, בְּסֵתֶר עֶלְיוֹן  Quem habita no refúgio do Altíssimo

YOCHEV   B'SETER  'ELION

    בְּצֵל שַׁדַּי, יִתְלוֹנָן  na sombra do Todo Poderoso descansará 

BETZEL  SHADAI  YIT'LONAN

2.  אֹמַר--לַיהוָה Direi para YHWH:

'OMAR  LA  ADONAI

מַחְסִי וּמְצוּדָתִי Meu Refúgio e minha Fortaleza!

MA'SI   UM'TZUDATI
    
אֱלֹהַי  אֶבְטַח-בּוֹ Meu D'us, me protegerei Nele.

'ELOCHAI   'EV'TACH  BO


מַחְסִי וּמְצוּדָתִי Meu Refúgio e minha Fortaleza!

MA'SI   UM'TZUDATI

אֱלֹהַי  אֶבְטַח-בּוֹ Meu D'us, me protegerei Nele.


'ELOCHAI   'EV'TACH  BO   

 
אֱלֹהַי  אֶבְטַח-בּוֹ Meu D'us, me protegerei Nele.
'ELOCHAI   'EV'TACH  BO


Repete

   יֹשֵׁב, בְּסֵתֶר עֶלְיוֹן  Quem habita no refúgio do Altíssimo



YOCHEV   B'SETER  'ELION

    בְּצֵל שַׁדַּי, יִתְלוֹנָן  na sombra do Todo Poderoso descansará

BETZEL  SHADAI  YIT'LONAN

אֹמַר--לַיהוָה Direi para YHWH:

'OMAR  LA  ADONAI

מַחְסִי וּמְצוּדָתִי Meu Refúgio e minha Fortaleza!

MA'SI   UM'TZUDATI

 אֱלֹהַי  אֶבְטַח-בּוֹ Meu D'us, me protegerei Nele.


'ELOCHAI   'EV'TACH  BO


מַחְסִי וּמְצוּדָתִי Meu Refúgio e minha Fortaleza!


MA'SI   UM'TZUDATI


  אֱלֹהַי  אֶבְטַח-בּוֹ Meu D'us, me protegerei Nele.


'ELOCHAI   'EV'TACH  BO

 אֱלֹהַי  אֶבְטַח-בּוֹ Meu D'us, me protegerei Nele.

'ELOCHAI   'EV'TACH  BO

 אֱלֹהַי  אֶבְטַח-בּוֹ Meu D'us, me protegerei Nele.


'ELOCHAI   'EV'TACH  BO


 אֱלֹהַי  אֶבְטַח-בּוֹ Meu D'us, me protegerei Nele.

'ELOCHAI   'EV'TACH  BO

                                                                     FIM

Breve análise do texto hebraico

יֹשֵׁב iochev "Quem está sentado" ou "Quem habita". "Habitar" seria mais condizente com a posição do fiel que permanece constantemente na presença de D'us, além de simplesmente "sentar" diante do Trono. De qualquer forma a posição de acomodação é ressaltada nas duas traduções, ao contrário do que diz em Salmos 1.1, com o mesmo verbo de יֹשֵׁב, só que no completo: "nem sentou na reunião dos zombadores."
Enfim, Salmos 91.1 diz onde você deve habitar e Salmos 1.1 diz onde você nem deve sentar!


   בְּסֵתֶר  "b'seter" refúgio, mas pode ser "em segredo", secretamente, no esconderijo, no abrigo. Pessoas que passaram pela fúria de furacões sabem da importância de um abrigo no subsolo. É o que protege a Vida.
בְּצֵל "b'tzel"  na sombra, na proteção
מַחְסִי "mah'si", no possesivo da primeira pessoa, meu recurso, meu abrigo, meu refúgio.
מְצוּדָתִי "m'tzudati" , "minha fortaleza", também "minha cidadela.
אֶבְטַח " 'ev'tach" de proteger, me assegurar, me garantir.



1.A Torá Viva - O Pentateuco e as Haftarot - Anotado por Rabino Aryeh Kaplan- Editora Maayanot;
2.Tehilim - Salmos Tradutores: Adolph Wasserman & Chaim Szwertszarf; McKlausen Editora; RJ.
3.Dicionário Português Hebraico e Hebraico Português - Abraham Hatzamri e Shoshana More-Hatzamri - ed. Sêfer
4.Dicionário Hebraico-Português&Aramaico-Português, Sinodal Vozes, 4ª edição, 1994.


segunda-feira, 16 de julho de 2012

תהילים קלג Salmos 133 em Hebraico

תהילים  קלג

 

Em dias de isolamento e solidão este texto condiz com o que ensina Provérbios 18.1: "O solitário busca o seu próprio interesse e insurge-se contra a verdadeira sabedoria." Realmente não é muito vantajoso viver só.
Compara-se a convivência em  uníssono com a unção de Aarão, um grande evento para Israel com o primeiro sumo sacerdote de toda a nação. O verbo "shevet" pode ser traduzido como "morada", então pode-se entender que a convivência constante dos irmãos em união representa a unção com o melhor óleo sobre as suas cabeças.
Existem dois desafios para se manter a verdadeira comunhão: aceitar e administrar as diferenças e buscar constantemente entender e atender as necessidades do próximo.
 Esse é mais um passo para subir as escadas da vida espiritual. Assim, não existe intimidade com D'us sem  bons relacionamentos.

 שִׁיר הַמַּעֲלוֹת, לְדָוִד Shir hama'lot, le'David
Cântico de Subidas, de David


Abaixo o verso 1 cantado em hebraico. Destacamos a participação percussionista e alegre da cantora, lembrando Miriã no deserto após a passagem no Mar de Juncos.
                                     

Solo primeiro cantor


הִנֵּה מַה-טּוֹב, וּמַה-נָּעִים Hine mah tov umah naim
Eis aqui! Quão bom e quão agradável (é)
   שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos

הִנֵּה מַה-טּוֹב, וּמַה-נָּעִים Hine mah tov umah naim
Eis aqui! Quão bom e quão agradável (é)
   שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos


הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
 שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos

הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
 שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos

TRIO
הִנֵּה מַה-טּוֹב, וּמַה-נָּעִים Hine mah tov umah naim
Eis aqui! Quão bom e quão agradável (é)
   שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos

הִנֵּה מַה-טּוֹב, וּמַה-נָּעִים Hine mah tov umah naim
Eis aqui! Quão bom e quão agradável (é)
   שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos

הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
 שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos

הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
 שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos

הִנֵּה מַה-טּוֹב, וּמַה-נָּעִים Hine mah tov umah naim
Eis aqui! Quão bom e quão agradável (é)
   שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos


הִנֵּה מַה-טּוֹב, וּמַה-נָּעִים Hine mah tov umah naim
Eis aqui! Quão bom e quão agradável (é)
   שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos


הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
 שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos

הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
 שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos


PERCUSSÃO / CANTORA


הִנֵּה מַה-טּוֹב, וּמַה-נָּעִים Hine mah tov umah naim
Eis aqui! Quão bom e quão agradável (é)
   שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos

הִנֵּה מַה-טּוֹב, וּמַה-נָּעִים Hine mah tov umah naim
Eis aqui! Quão bom e quão agradável (é)
   שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos


הִנֵּה מַה-טּוֹב 
Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)

הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
Uouoh uouoh uouooooooh!

הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
Uouoh uouoh uouooooooh!

TODOS

הִנֵּה מַה-טּוֹב, וּמַה-נָּעִים Hine mah tov umah naim
Eis aqui! Quão bom e quão agradável (é)
   שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos

הִנֵּה מַה-טּוֹב, וּמַה-נָּעִים Hine mah tov umah naim
Eis aqui! Quão bom e quão agradável (é)
   שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos

הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)

הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
Uouoh uouoh uouooooooh!
הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
Uouoh uouoh uouooooooh!

Orquestra/ TRIO


הִנֵּה מַה-טּוֹב, וּמַה-נָּעִים Hine mah tov umah naim
Eis aqui! Quão bom e quão agradável (é)
   שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos

הִנֵּה מַה-טּוֹב, וּמַה-נָּעִים Hine mah tov umah naim
Eis aqui! Quão bom e quão agradável (é)
   שֶׁבֶת אַחִים גַּם-יָחַד shevet achim gam iachad
O sentar dos irmãos também unidos

הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
Uouoh uouoh uouooooooh!

הִנֵּה מַה-טּוֹב 
Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
הִנֵּה מַה-טּוֹב Hine mah tov
Eis aqui! Quão bom (é)
Uouoh uouoh uouooooooh!

 Fim

A música termina aqui, continuaremos a tradução e a análise do texto:
 v.1  o termo הִנֵּה "hine" é uma expressão para chamar a atenção, "vejam!" "olhem aqui!",
"eis aqui!", usado também em Salmos 121.4: "Hine ló yanum" , "Vejam! Não cochila..."

 v.2 כַּשֶּׁמֶן הַטּוֹב    עַל-הָרֹאשׁ Como o bom óleo sobre a cabeça
רֹאשׁ "rosh" cabeça, o óleo sem reservas, desceu atingindo a barba, isto é, ungiu o ouvido, a visão, o paladar, o olfato, a pele do rosto e consequentemente as mãos e o tato, purificando os cinco sentidos
יֹרֵד  עַל-הַזָּקָן זְקַן-אַהֲרֹן: que desceu sobre a barba, a barba de Aarão

Este óleo era um perfume à base de mirra e oliva, usado para ungir os reis e sacerdotes (Êxodo28.15). 

verbo יֹרֵד, desceu, conjugado no completo, no sentido de "ser derramado".

שֶׁיֹּרֵד  עַל-פִּי מִדּוֹתָיו que sobrou de acordo com a sua medida

sobrou de acordo com a medida, a dimensão, a qualidade, o caráter

 verbo שֶׁיֹּרֵד no sentido de sobrar, restar, escorrer
שֶׁיֹּרֵד pode ter vindo também de sh'rad, uniforme, serviço
מִדּוֹתָיו não é uma palavra de fácil tradução, embora as versões atuais a descrevam como "a orla de seus vestuários" ou  "a gola de suas vestes", pois por coerência o óleo desceria até as vestes sagradas.
As vestes sagradas de Aarão são designadas em  Êxodo 28.2 בִגְדֵי-קֹדֶשׁ  "bigu'dei kodesh" . É interessante notar que antes da determinação de como seriam confeccionadas as vestes de Aarão e seus filhos em Êxodo 28, foi ordenado aos israelitas o óleo de iluminação puro "feito de olivas esmagadas manualmente, para manter a lâmpada constantemente acessa." Êxodo 27.20. Era de encargo dos sacerdotes manterem as lâmpadas acessas "da noite até a manhã na presença de D'us na Tenda da Comunhão, fora do véu da separação que esconde a Arca do Testemunho." Êxodo 27.21 
Então temos aqui a união dos irmãos comparada à unção de Aarão (Êxodo 29.7) que foi um grande evento para Israel, reunindo todo o povo ao redor da cerimônia de designação do primeiro Sumo sacerdote do povo. "Toma o óleo de unção, derrama na cabeça ( de Aarão) e unge-o." Êxodo 29.7  / "Faz Aarão vestir as vestes sagradas, e unge-o, assim santificando-o como sacerdote para Mim." Êxodo 40.13    A unção de Aarão seria de um sacerdócio eterno por todas as gerações (v.15) .
Dentro da Arca da aliança permaneceram junto com as Tábuas da Lei a vara de Aarão, símbolo da sua liderança e símbolo de sua velhice. O radical de barba   זָּקָן (zakan)  é o mesmo que designa velhice. Os anciãos eram respeitados em Israel pela sua experiência e sabedoria, mesmo porque a longevidade naquela época não era privilégio de muitos. Ser idoso era sinal de benção.                                                                                                                                                                                                                                                       
דּוֹתָיו  essa palavra pode ter vindo do radical "dat" (mandado, ordem, lei, prescrição) ou de "midot" medidas, dimensões, qualidades, comportamentos." ou "datiut" religiosidade, crença, devoção, fervor religioso."

Proposta de tradução:

"Que desceu sobre a barba do idoso Aarão, escorrendo de acordo com a sua medida."
                                            
 v.3 כְּטַל-חֶרְמוֹן Como o orvalho de Hermon
  שֶׁיֹּרֵד, עַל-הַרְרֵי צִיּוֹן Escorrendo sobre as montanhas de Tzion.

A união dos irmãos chama a atenção pela sua altivez e beleza. Hermon significa "montanha sagrada" que majestosa se encontra no término sul da cordilheira Anti-Líbano, fronteira norte com a Palestina.
Israel faz divisa pelo norte com o Líbano e a oeste com a Síria. Este monte assinala a divisa entre estes países. Com altura de 2814 metros acima do mar é a mais destacada e linda montanha da Palestina e da Síria, com o seu cume coberto de neve enquanto a terra ao redor brilha ao sol do verão. Nas águas do mar da Galiléia vê-se o reflexo do seu cume. Das suas encostas, que degelam depois do inverno, nasce e alimenta o rio Jordão. Nas regiões desérticas, a evaporação da umidade concentra-se nas montanhas e retorna durante a noite sob a forma de orvalho, suprindo a falta de chuva nas plantações.
Hoje, o Monte Hermon possui um centro de lazer para turistas e praticantes de esqui, a neve faz parte de sua paisagem natural de novembro a março.
As montanhas de Sion tem aproximadamente 800 metros de altitude, nos Salmos 87.2, 51.18 e mais dezenas de vezes Jerusalém é chamada de Sion:
"Os que confiam no Senhor são como o Monte de Sion que não se abala, mas permanece para sempre. Como os montes à volta de Jerusalém, assim o senhor está em volta do seu povo desde agora para sempre." Salmos 125:1-2


Monte Hermon



כִּי שָׁם צִוָּה יְהוָה   Pois ali ordenou YHWH
  אֶת-הַבְּרָכָה    a (Eterna) Benção:
חַיִּים,    עַד-הָעוֹלָם.  Vida para sempre!



Bibliografia:
1.A Torá Viva - O Pentateuco e as Haftarot - Anotado por Rabino Aryeh Kaplan- Editora Maayanot;
2.Tehilim - Salmos Tradutores: Adolph Wasserman & Chaim Szwertszarf; McKlausen Editora; RJ.
3.Dicionário Português Hebraico e Hebraico Português - Abraham Hatzamri e Shoshana More-Hatzamri - ed. Sêfer