Seja Bem Vindo!

Este site é exclusivamente direcionado ao estudo da língua hebraica e de textos originais do Tanak. Os vídeos e imagens publicados são escolhidos para complementação didática e cultural e não expressam opinião religiosa dos editores. Todos podem participar, desde que com comentários não ofensivos.

Agora estamos com a versão Ler e Ouvir de Salmos em Hebraico no celular. Boa leitura!

Postagem em Destaque

Jacó: o Grande Empreendedor

Ayin/Shin/Resh A riqueza de Jacó foi planejada pelo próprio. Obviamente, ele teve duas qualidades imprescindíveis para prosperar: generosi...

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Salmos 121 ( Nova versão)

Aqui está a bela nova versão vocal de Shir Lama'alot com Yosef Karduner.
A análise do texto está em Samos 121 - Ascenções da Alma http://telahebraica.blogspot.com.br/2011/02/shir-la-ma-alot-aprenda-salmos-121-em.html

quinta-feira, 14 de julho de 2011

A melhor tradução de "Eu Sou o que Sou".Êxodo 3.14

   
"Ehie Asher Ehier"אֶהְיֶה אֲשֶׁר אֶהְיֶה
Um dos textos mais reveladores sobre a essência de D'us confronta a eternidade faraônica através de seu Nome.
O texto de Êxodo 3 revela que Moisés, fugido do Egito, apascentava o rebanho de seu sogro próximo à uma montanha no deserto, e que conheceu El'him sob o Nome traduzido como "Eu Sou o que Sou".
A inviabilidade dessa tradução está na inexistência na língua hebraica do verbo "ser" no presente do Indicativo. Assim a cultura ocidental por séculos só consegue entender que D'us simplesmente "é".
Análise dos Nomes de D'us em Gênesis 3
No Horebe identificamos o Nome El'him associado ao lugar físico, ou seja, "montanha de El'him."
הַר הָאֱלֹהִים
Em Êxodo3.2, a revelação visual de um "anjo de YHWH", direciona o Tetragrama ao mundo celestial. מַלְאַךְ יְהוָה
Em Êxodo 3.4 o Tetragrama YHWH é relacionado ao verbo "ver": וַיַּרְא יְהוָה "E viu YHWH"
enquanto El'him ao verbo "chamar" :
יִּקְרָא אֵלָיו אֱלֹהִים מִתּוֹךְ הַסְּנֶה "Chamou El'him de dentro da sarça*"
וַיֹּאמֶר מֹשֶׁה מֹשֶׁה "E disse: 'Moisés,Moisés.'"
Observamos que o Nome El'him aproxima-se do mundo físico, apresentando-se inclusive com o Nome
אָנֹכִי אֱלֹהֵי אָבִיךָ, אֱלֹהֵי אַבְרָהָם אֱלֹהֵי יִצְחָק, וֵאלֹהֵי יַעֲקֹב
"Eu sou D'us (El'him) de teu pai , D'us (El'him) de Abrãao, D'us (El'him) de Isaac, D'us (El'him) de Jacó"
Êxodo 3.6.
O Nome YHWH revela a total transcendência de D'us e por isso foi associado ao verbo "ver". Esta é a visão mais justa e completa de toda a Eternidade (Salmos 113.5)
Os 72 Nomes são mecanismos de aproximação de D'us ao homem. Embora pertençam à mesma Pessoa, revela as inúmeras faces Dele e cada um tem o seu objetivo, mensagem e foco de forma a facilitar o entendimento da essência Divina e sensibilizar a alma humana de Sua presença.
O Nome revelado em Êxodo 3.14 está no hebraico אֶהְיֶה אֲשֶׁר אֶהְיֶה "Ehie Asher Ehier", onde אֶהְיֶה deriva da primeira pessoa no singular do Imperfeito Qal do verbo "hayah", traduz-se "eu serei", sendo o Nome todo traduzido "Serei o que Serei". O termo como Nome Divino, não foi traduzido no Targum** e em algumas transcrições hebraicas. Talvez seja um dos motivos que chegue às nossas versões como "Eu Sou o que Sou" (ou "I am that I am", no inglês) pela ausência de vogais ou dispersão da pronúncia tradicional.
Assim, D'us se apresenta a Moisés nas três dimensões de tempo:
D'us do passado:
"Eu sou o D'us de teu pai, O D'us de Abrãao, D'us de Isaac, e D'us de Jacó." Êxodo 3.6
D'us do presente:
" Tenho visto o sofrimento do Meu povo no Egito. Eu tenho escutado como eles gritam em virtude do que fazem os guardas de escravos, e Eu estou ciente de seu sofrimento." Êxodo 3.7
D'us do futuro:
"Eu Serei o que Serei"
Pela sua Onipresença e Transcendência, D'us habita simultaneamente no passado, no presente e no futuro, por isso o homem é incapaz de alcançá-lo ou vê-lo. Este está preso à sua temporalidade e limitado no seu entendimento do mundo espiritual. Assim, El'him "fala" dentro de uma sarça ardente, pois assim foi capaz de se contrair no tempo presente para que Moisés ouvisse. A tradição judaica chama de "tzimtzúm" essa "contração" amorosa de D'us em direção ao homem.
A "tzimtzúm" deve ser também praticada pelos homens uns com os outros, pois é através dela que se acolhe a presença do próximo.
"Eu Serei o que Serei" ou "Ehie Asher Ehier" denota que D'us tem absoluta existência, e que Ele está fora da realidade do nosso tempo. Segundo os cabalistas, em "Eu Serei", no momento do primeiro impulso da Vontade que iniciou a Criação, tudo estava no futuro. YHWH declara o poder criativo que continuamente sustenta o Universo. D'us estava avisando a Moisés que todo o Seu propósito ali revelado já estava assegurado no futuro.
O vídeo é trecho de Êxodo 3.14 "Eu Sou o que Sou", no lindo filme da DreamWorks, "The Prince Of Egypt"( "O Príncipe do Egito" na versão em português). Conta a história da saída dos hebreus da escravidão de Faraó sob a liderança de Moisés. Vencedor do Oscar em "Melhor Música Tema" com "Whem you Believe", foi traduzido em diversas línguas. 
Reparem na "voz" de D'us quando fala à Moisés nas duas versões. Tem dominância a tonalidade masculina, acompanhada por um leve sussurro feminino. Foi um maravilhoso e polêmico detalhe bíblico de Gênesis 5.1 lembrado pela direção e quem sabe discutido por nós mais tarde...
Outro detalhe, a Torah não revela que Moisés conseguiu tocar na sarça, mas quem lê e estuda tem a liberdade de peneirar essas pequenas adaptações e desfrutar do filme na sua totalidade.

Observações:
Um grande desafio foi lançado em Êxodo 3. Os deuses egípcios dos antepassados, que influenciavam o presente, numa terra fértil contra o D'us cuja essência já vivia no futuro, numa montanha do deserto.
*sarça de סְּנֶה de "seneh" pode ter dado origem ao topônimo "Sinai", é uma planta espinhosa do gênero das acácias, o mesmo conhecido no Brasil como "jurema". "Seneh" pode ser associada a "shittim", planta citada várias vezes no Tanach como acácia.
**Targum (do Hebraico תרגום , no plural targumim) é o nome dado às traduções, paráfrases e comentários em aramaico da Bíblia hebraica (Tanach) escritas e compiladas em Israel e Babilônia, na época do Segundo Templo até o início da Idade Média. Foi utilizado para facilitar o entendimento aos judeus que não falavam o hebraico como língua mãe, e sim o aramaico. Os dois targumim mais conhecidos são o Targum Onkelos sobre a Torah e o Targum Jonatã ben Uziel sobre os Nevi'im (profetas).
Bibliografia
1.A Torá Viva - O Pentateuco e as Haftarot - Anotado por Rabino Aryeh Kaplan- Editora Maayanot;
2.Tehilim - Salmos Tradutores: Adolph Wasserman & Chaim Szwertszarf; McKlausen Editora; RJ.
3.Dicionário Português Hebraico e Hebraico Português - Abraham Hatzamri e Shoshana More-Hatzamri - ed. Sêfer
4.Dicionário Hebraico-Português&Aramaico-Português, Sinodal Vozes, 4ª edição, 1994.
5.Cabala, O Mistério dos Casais -Segredo dos encontros amorosos/ Paulo Blank, Rio de Janeiro: Relume, 2005.

sexta-feira, 3 de junho de 2011

תהילים קכב Salmos 122 - A força dos Justos




A primeira palavra chave desse salmo é שָׂמַחְתִּי, "alegrei-me", do hebraico "smechah" afinando a teoria de Neemias 8.10: "A alegria do Senhor é a vossa força." O terceiro texto dos quinze Salmos de Ascenções às Alturas encontra na alegria a forma para se elevar a alma em direção à D'us e descarta qualquer motivação mundana como sua fonte: dinheiro, namoro, família, sucesso, vida profissional. A proposta é de buscar alegria em uma expectativa mais simples, ou seja, ir para Jerusalém.

É interessante como este texto é muito ensinado às crianças como se elas fossem as únicas capazes de sentir a verdadeira satisfação de ir à "Casa do Senhor". De qualquer forma o elemento essencial para se adquirir essa alegria chama-se Preparação. Isto significa que no dia anterior à celebração, todas as atividades devem ser voltadas para que corpo e alma estejam totalmente voltados para a ida à Casa do Senhor sem os empecilhos normais do mundo. Trata-se de procurar e separar as meias e encher o coração da Palavra no dia anterior, para que a saída para a adoração não se torne um cansativo dia de infortúnio.
É por isso que o radical de shalom e seus derivados dominam a maior parte do texto hebraico de Salmos 122: devemos já ir ao templo em paz.
Vamos ao texto hebraico: (direcionado ao You Tube)
שִׁיר הַמַּעֲלוֹת Shir hama'alot
Um Cântico de Subidas
לְדָוִד Le'David
de David
שָׂמַחְתִּי בְּאֹמְרִים לִי Samache'ti be'ome'rim li
Eu me rejubilei (me alegrei) quando eles disseram para mim:
בֵּית יְהוָה נֵלֵךְ Beit YHVH nelech
Vamos à Casa do Senhor
עֹמְדוֹת הָיוּ רַגְלֵינוּ 'ime'dot haiu rague'leinu
Permanecem (colocam-se) imóveis nossos pés
בִּשְׁעָרַיִךְ יְרוּשָׁלִָם Beshe'araich Yerushaliam
em seus portões, Jerusalém.
יְרוּשָׁלִַם הַבְּנוּיָה Yerushaliam habe'nuiah
Jerusalém construída
כְּעִיר Ke'ir
conforme uma cidade

שֶׁחֻבְּרָה-לָּהּ יַחְדָּו shechube'rah lah iache'dan
inclinada à benção para ela igualmente (יַחְדָּו igualmente ou em comunidade ou em união ou completamente ou juntos)

שֶׁשָּׁם עָלוּ שְׁבָטִים shesham 'alu she'vatim
Pois lá ascenderam as tribos
שִׁבְטֵי-יָהּ עֵדוּת shivutei iah 'edut
As tribos de Yah que são um testemunho
(עֵדוּת testemunho, sinal de advertência, memorial,ordem,lei)
לְיִשְׂרָאֵל le'Israel
para Israel
לְהֹדוֹת לְשֵׁם יְהוָה le'chodot le'chem YHHW
para louvarem (agradecerem) ao Nome de YHWH

כִּי שָׁמָּה ki shamah
Pois lá

יָשְׁבוּ כִסְאוֹת לְמִשְׁפָּט iashe'vu kise'ot le'mishpat
Sentam (Estão colocados,fixados) os tronos do julgamento

כִּסְאוֹת לְבֵית דָּוִד kise'ot le'beit David
Os tronos da Casa de David

שַׁאֲלוּ Sha'elu
Peçam (peçamos):


שְׁלוֹם יְרוּשָׁלִָם she'lom Yerushaliam

Paz em Jerusalém!


יִשְׁלָיוּ ishe'laiu

tenham paz (prosperem, tenham êxito, sejam serenos, tenham tranquilidade)



אֹהֲבָיִךְ 'ocho'vaicha
os que te amam

יְהִי-שָׁלוֹם בְּחֵילֵךְ ie'chi shalom be'cheilech
Haja paz nas muralhas dela
שַׁלְוָה בְּאַרְמְנוֹתָיִךְ shale'vach be'are'me'notaich
Serenidade dentro dos teus palácios.

לְמַעַן le'ma'an
Por causa de (em consideração ao)

אַחַי וְרֵעָי 'achai ve're'ai
meu irmão e meu companheiro (amigo)

אֲדַבְּרָה-נָּא שָׁלוֹם בָּךְ 'adabe'rah na' shalom bach
Falarei de paz para eles.

לְמַעַן le'ma'an
Por causa de (em consideração)

בֵּית-יְהוָה אֱלֹהֵינוּ Beit YHWH 'El'cheinu
À Casa de YHWH nosso El'him

אֲבַקְשָׁה טוֹב לָךְ 'avake'shah tov lach.
peça o bem para ela.

Análise do Texto Hebraico
A maioria dos hebreus não sabia ao certo o dia da ida à Jerusalém para a celebração das festas. A sinalização para as comemorações era realizada através das fases da lua. Assim, quando um dos líderes em qualquer parte do mundo avistavam a próxima lua nova, avisavam: "Já está na hora de irmos."
Em Jerusalém todo israelita passava por uma experiência especial com D'us. A notícia de uma viagem à Cidade significava uma quebra das atividades de rotina, um descanso das preocupações diárias. As crianças se divertiam com os preparativos!
O anúncio: "Vamos à Casa do Senhor" trazia várias mensagens na época. Uma delas é que estava na hora de arrumar as "malas", pois para muitos, a ida era uma longa viagem à pé, às vezes em caravanas. A segunda era uma convocação à renovação de ânimos, pois muitas vezes havia necessidade de disposição para subir à Jerusalém, localizada no alto de um monte. A terceira é que era o momento de um alegre reencontro com familiares e amigos. Homens e mulheres reviam em Jerusalém os seus pais, filhos e parentes que estavam afastados. Ir a Jerusalém significava conhecer os netos que haviam nascido e abraçar a velha mãe cheia de saudades.
Alguns hebreus realizavam essa jornada uma vez ao ano por causa da distância, como Elcana, esposo de Ana: "Este homem subia da sua cidade de ano em ano a adorar e sacrificar ao Senhor dos Exércitos em Silo." I Samuel 1.3. No tempo de Josué era Silo o lugar de reunião e santuário dos israelitas, e até os tempos de Samuel permaneceram nesta povoação a arca e o tabernáculo por 300 anos.(Josué 18.1;22.12; Juízes 18.31; I Reis 2.27; Salmos 78.60; Jeremias 7.12-14; 26.6-9).
Qual a semelhança de Jerusalém e Silo? Está no descanso! Os radicais de salém e silo são os mesmos de shalom: shim e lamed. Jerusalém (ie'ru do hebraico "ir" de cidade, shalém do hebraico shalom, paz) significa Cidade de Paz ( ou de Descanso) e Silo quer dizer simplesmente Descanso. O texto hebraico de Salmos 122 aponta para esses radicais. Vamos ver:
שַׁאֲלוּ Sha'elu
Peçam (peçamos):
שְׁלוֹם יְרוּשָׁלִָם she'lom Yerushaliam
Paz em Jerusalém!
יִשְׁלָיוּ ishe'laiu
tenham paz ou prosperem, tenham êxito, sejam serenos, tenham tranquilidade




אֹהֲבָיִךְ 'ocho'vaicha
os que te amam

יְהִי-שָׁלוֹם בְּחֵילֵךְ ie'chi shalom be'cheilech
Haja paz nas muralhas dela


שַׁלְוָה בְּאַרְמְנוֹתָיִךְ shale'vach be'are'me'notaich

Serenidade dentro dos teus palácios.




Os versículos 6 e 7 prometem serenidade aos que amam Jerusalém. Amar significa visitar, cuidar, zelar, vigiar, pois ela é o símbolo de alegria e força de Israel. Os votos de paz nas fortalezas e nos palácios é a busca de tranquilidade que todo judeu devia trazer nas celebrações. Para trás ficavam as preocupações de sustento e sobrevivência. Ali era lugar de alegria e festa.
Com relação ao texto do verso 4, a palavra
עֵדוּת para "testemunho" significa ser um sinal de advertência, um memorial ou motivo de ordem para a paz. As tribos de D'us foram incumbidas desse testemunho de paz, embora muitas das vezes desobedientes e recebendo castigos severos como a destruição de Silo (Jeremias 7.12-14).


Assim, convoca-se o povo às preces por paz em Jerusalém para que fossem mantidos os alegres encontros entre os irmãos , verso 8: אַחַי וְרֵעָי 'achai ve're'ai
meu irmão e meu companheiro (amigo),
e para que a religiosidade e a adoração fossem mantidas ali (v.9).

As multidões de peregrinos que convergiam à cidade para adorar realçavam a singularidade e diversidade das criaturas de D'us. No fortalecimento da irmandade e da unidade, cada judeu se sentia importante e único, aumentando a sua auto estima individual e erguendo o seu espírito.

Nada mais óbvio de perceber em Salmos 122 é que sem tranquilidade não há adoração!

Prof. Gláucia Vilela

Bibligrafia:
1.A Torá Viva - O Pentateuco e as Haftarot - Anotado por Rabino Aryeh Kaplan- Editora Maayanot;
2.Tehilim - Salmos Tradutores: Adolph Wasserman & Chaim Szwertszarf; McKlausen Editora; RJ.
3.Dicionário Português Hebraico e Hebraico Português - Abraham Hatzamri e Shoshana More-Hatzamri - ed. Sêfer
4.Dicionário Hebraico-Português&Aramaico-Português, Sinodal Vozes, 4ª edição, 1994.
5.Dicionário Bíblico - Editora Didática Paulista

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Quando D'us fala ao homem?

http://www.cafetorah.com/node/5872 Colinas de Golam
Existem diversas maneiras e situações em que D'us tenta se comunicar com o homem.
É claro que a condição essencial para conseguir ouvir os intentos Dele é ser Seu servo, como diz em Amós 3.7:

"Certamente, o Senhor Deus não fará cousa alguma, sem primeiro revelar o seu segredo aos seus servos, os profetas."

כִּי לֹא יַעֲשֶׂה אֲדֹנָי יְהוִה, דָּבָר, כִּי אִם-גָּלָה סוֹדוֹ אֶל-עֲבָדָיו הַנְּבִיאִים.

A promessa acima, se inserida no contexto histórico, pertencerá somente aos profetas de Israel que tentavam avisar ao povo incrédulo das consequências de seus pecados. É assim que funciona. Quando se tem o coração endurecido, D'us fala através de servos. Quando se é servo, Ele pode falar pessoalmente.

Eliú destaca um lugar interessante onde D'us fala aos homens. Ele alerta que não é somente no Templo Sagrado, no monte de Jerusalém, ou diante do Altar de sacrifícios que Jó ouvirá a D'us, mas também na sua própria cama.


Jó 33:13-20

"Porque contendes com Ele, afirmando que não te dás conta de nenhum de seus atos?
Pelo contrário, D'us fala de um modo, sim, de dois modos, mas o homem não atenta para isso."

Primeiro modo: durante a madrugada

"Em sonho ou em visão de noite, quando cai sono profundo sobre os homens, quando adormecem na cama, então, lhes abre os ouvidos e lhes sela a sua instrução.
Para apartar o homem de seu desígnio e livrá-lo da soberba, para guardar a sua alma da cova e a sua vida de passar pela espada." Jó 33.15-18

Segundo modo: na doença

"Também no seu leito é castigado com dores, com incessante contenda nos seus ossos, de modo que a sua vida abomina o pão, e a sua alma a comida apetecível." Jó 33.19-20

Reparem que no primeiro modo o servo pode estar acordado ou não. Se estiver dormindo, D'us pode falar através de sonhos ou visões. Se estiver alerta, com a sua alma inserida no mundo espiritual, sem as vozes do mundo, pode ouvir a sua instrução pessoalmente.
No segundo modo, a fragilidade do corpo provocada pela doença obriga a abertura de canais de contato da alma com o mundo espiritual. O cessar das atividades corriqueiras impõe a condição essencial para ouvir a voz divina e compreender a Sua Palavra.

Percebe-se também que em suas tentativas de falar ao homem de madrugada, nem sempre D'us consegue ser ouvido:

"Agora, pois, visto que fazeis todas estas obras, diz o Senhor, e eu vos falei, começando de madrugada, e não me ouvistes, chamei-vos, e não me respondestes..." Jeremias 7.13

Muitos sonhos são gritos de nossas almas que costumamos conter. Outros, são a essência divina querendo nos instruir. De qualquer forma, para quem deseja ouvir vale a sugestão de Provérbios 8:17:
"Eu amo aos que me amam, e os que de madrugada me buscam me acharão."

Prof.ª Gláucia Vilela


quarta-feira, 23 de março de 2011

תהילים כג Salmos 23 em Hebraico


Um dos Salmos mais populares da Bíblia, esconde inúmeras mensagens de alimento para a Vida . De corpus aparentemente simples, o texto hebraico de Salmos 23 é um labirinto! Um caminho se bifurca em outros de difícil acesso, que prova a resistência de quem quer entendê-lo. A arquitetura e a disposição das palavras parecem um quadro muito bem planejado para ajudar os quebrantados de coração. Por isso, independente da tradução, vale a pena recitá-lo nos momentos de dificuldade.
תהילים כג
Neste vídeo Yosef Karduner canta todo o texto hebraico de Salmos 23 com o refrão "Ki atah imadi" ou "Porque tu estás em minha companhia". Eis a letra:

Salmos 23

Miz'mor le David
Uma canção de David
מִזְמוֹר לְדָוִד


HaShem (YHWH) ro'i
YHWH é meu pastor
יְהוָה רֹעִי

Ló e'che'sar
(Ele) Não faltará a mim
לֹא אֶחְסָר

Bin'ot deshe'
Em adequadas relvas
בִּנְאוֹת דֶּשֶׁא

Iar'bitzeni
me faz deitar
יַרְבִּיצֵנִי

telahebraica.blogspot.com.br
Al mei me'nuchot i'nach'leni
Perto de águas de descanso
עַל-מֵי מְנֻחוֹת יְנַהֲלֵנִי

Naf'shi ie'shovev
Minha alma refrescará (restabelecerá)
נַפְשִׁי יְשׁוֹבֵב

Ian'cheni
Conduzirá a mim
יַנְחֵנִי

Be'mag'lei tzedek
em círculos de justiça
בְמַעְגְּלֵי-צֶדֶק

lema'an she'mo
em endereço (em consideração) ao Seu Nome
לְמַעַן שְׁמוֹ
Gam ki 'elech be'guei' tzal'manet
Ainda que ande pelo vale de trevas
גַּם כִּי-אֵלֵךְ בְּגֵיא צַלְמָוֶת

Lo 'ira ra'
Não temerei mal
לֹא-אִירָא רָע

ki atah imadi (refrã0)
Porque tu estás em minha companhia
כִּי-אַתָּה עִמָּדִי
Shivt'cha umisha'ntecha
Seu cajado e seu bordão
שִׁבְטְךָ וּמִשְׁעַנְתֶּךָ

Chema ie'nacha'muni
Eles me confortarão
הֵמָּה יְנַחֲמֻנִי
Tao'ror le'fanai
Embainha antes
תַּעֲרֹךְ לְפָנַי

Shulchan negued tzor'rai
uma mesa em frente de meus atormentadores
שֻׁלְחָן-- נֶגֶד צֹרְרָי
Deshanta vashemen ro'shi
Farta com óleo minha cabeça
דִּשַּׁנְתָּ בַשֶּׁמֶן רֹאשִׁי

kosi re'vaiah
Meu cálice transborda
כּוֹסִי רְוָיָה
'ach tov vachesed irde'funi
Certamente (evidentemente) bondade e misericórdia me perseguirão (correrão atrás de mim, ficarão no meu encalço)
אַךְ טוֹב וָחֶסֶד יִרְדְּפוּנִי

Kol ie'mei chaiai
todos os dias de minha vida
כָּל-יְמֵי חַיָּי

Ve'shav'ti be'veit HaShem (YHWH)
E morarei na Casa de YHWH
וְשַׁבְתִּי בְּבֵית-יְהוָה

Le 'orer iamim
Por longos dias
לְאֹרֶךְ יָמִים.


*onde estiver escrito ch lê-se com som de rr

Introdução ao texto de Salmos 23


O rei David compôs esse cântico durante uns dos momentos mais atribulados de sua vida. Estava fugindo de Saul e de seu exército, e após deixar os seus pais aos cuidados do rei de Moabe, embrenhou-se numa floresta estéril e desolada("bosque" em algumas traduções).
I Samuel 22.3-5
telahebraica.blogspot.com.br

Ao perceber a própria situação de pura dependência divina em um ambiente sem conforto e alimento, exclamou confiante:

" IHWH (O Senhor) é meu Pastor, não me faltará."

ou

"IHWH (Senhor).... pastagem não me faltará."

Há duas propostas de tradução porque as palavras "pastagem" e " meu pastor" em hebraico têm radicais idênticos e diferem por pequenos sufixos e pontuações.

Nos dicionários modernos a palavra "pastagem" assemelha-se ao possessivo
"meu pastor".

Isso é comum no texto bíblico hebraico, dando duas nítidas interpretações:

1. David se escondeu na floresta e, percebendo que ali não conseguiria alimentos tão facilmente, confiou em D'us e nas Suas provisões. Essa interpretação é reforçada pelo fato dos judeus recitarem esse Salmo após lavar as mãos e antes das bençãos ao término das refeições.
telahebraica.blogspot.com.br
Há uma ligação íntima do Salmo 23 e a refeição ("preparas uma mesa diante de mim"...."minha taça transborda"). Segundo a tradição judaica, conduzida pelo rabino Arizal, esse texto tem 57 palavras, que é o mesmo valor numérico da palavra"Zan", alimento. Ele também contém 227 letras, que é o equivalente numérico da palavra "Brachá", benção. Por esses ensinamentos, aqueles que recitam este Salmo e vivem de sua mensagem serão abençoados com muitas provisões.

2. David declara que confia na permanente presença de seu Pastor nesse momento de tribulação, e descansa nessa segurança.

A exemplo da tradução " O Senhor é o meu pastor e nada me faltará"
entendemos que a palavra "nada" é apenas uma adaptação lingüística dos tradutores à palavra hebraica "ló", que quer dizer "não".

Análise do texto hebraico


v.1 מִזְמוֹר לְדָוִד , Canção de David, nem sempre a autoria de um Salmo é identificada como aqui
יְהוָה רֹעִי onde רֹעִי pode "YHWH é meu pastor" ou "YHWH é pastagem" o primeiro ensina que YHWH é o guia, o cuidador de suas ovelhas, o segundo, que YHWH é o próprio alimento!
לֹא אֶחְסָר "Não faltará a mim." verbo אֶחְסָר no incompleto e no passivo, onde o autor, na primeira pessoa sofre a ação. A partir do raciocínio da interpretação gramatical do texto hebraico do versículo 1, concluímos que:
telahebraica.blogspot.com.br
A presença da Pessoa de YHWH, o Nome mais enigmático de D'us, não "faltará" ao que O teme, com a sua orientação e alimento.
Os verbos chamados de INCOMPLETOS no hebraico são identificados como ações que não foram completadas. Nas conjugações em português podem ser parecidas com as ações do Futuro, mas não se completam. No caso de YHWH, jamais faltará, é uma promessa para a eternidade.
v.2
בִּנְאוֹת דֶּשֶׁא retirando-se a preposição biבִּ (ne'ot) traduz-se " adequadas" ou " convenientes", é a mesma palavra também usada para oásis no deserto (na'ot mid'bar) e דֶּשֶׁא (deshe') grama, relvas,ervas. É o alívio conveniente no meio do deserto.

יַרְבִּיצֵנִי primeiro verbo "ni" de vários que serão citados a seguir, caracterizam o verbo no passivo da primeira pessoa no singular, ou seja, "faz ou fará alguma coisa em mim", aqui: " me faz deitar"
עַל-מֵי מְנֻחוֹת sobre ou perto de águas de "repouso" ou "descanso"; no plural hebraico "repousos" ou descansos"
יְנַהֲלֵנִי outro verbo passivo de final "ni": "me conduz", "me dirige", "me leva", ou "me guia cuidadosamente"
v.3
נַפְשִׁי יְשׁוֹבֵב "Minha alma restaura"
יַנְחֵנִי terceiro verbo de final "ni";"me conduz" , "me guia" , sinônimo de "nahal" do versículo 2, só que יַנְחֵנִי usa as letras de Noah(Noé quer dizer "repouso") nun e het, é uma condução em descanso, em repouso.
בְמַעְגְּלֵי-צֶדֶק em círculos de justiça
telahebraica.blogspot.com.br
Salomão, filho do autor, identifica a nossa vida como uma série de ciclos, ou "círculos":
"Nasce o sol e põe-se o sol, e volta de onde nasceu.
O vento vai para o sul, e faz o seu giro para o norte; continuamente vai girando o vento, e volta fazendo os seus circuitos.
Todos os ribeiros vão para o mar, contudo o mar não se enche. Ao lugar para onde os ribeiros correm, para ali tornam a ir."
Eclesisaste 1.5-7

A monotonia faz parte da existência do homem. Salomão foi muito rico e fez de sua vida tudo o que desejou (Eclesiastes 1 e 2), mas mesmo assim sentiu inquietação e insatisfação. Eis a chave de Salmos 23! O justo é inserido em um círculo de saciedade. A alma de cada pessoa é um enigma de necessidades, mas encontra saciedade na justiça!

לְמַעַן em endereço מַעַן nos dicionários modernos quer dizer "endereço", mas algumas traduções judaicas tratam :"em consideração"
שְׁמוֹ ao Seu Nome
v.4
גַּם כִּי-אֵלֵךְ Ainda que ande

בְּגֵיא צַלְמָוֶת no vale (de) escuridão ou de trevas
לֹא-אִירָא רָע não temerei mal
telahebraica.blogspot.com.br
כִּי-אַתָּה עִמָּדִי Porque tu estás em minha companhia
שִׁבְטְךָ וּמִשְׁעַנְתֶּךָ Seu cajado ( bordão, vara, bastão, cetro) e o seu bastão (ou bordão)... parece que temos duas palavras sinônimas aqui, mas na verdade por causa da origem dos radicais, o primeiro tem a função de acalmar e o segundo é usado como sustento, apoio.
הֵמָּה Eles (o cajado e o bordão)
יְנַחֲמֻנִי quarto verbo de final "ni", imperfeito de "nacham", "confortarão a mim", "terão compaixão de mim"
v.5
תַּעֲרֹךְ essa palavra é uma surpresa, pois é traduzida nos dicionários como bainha, aquele estojo onde se guarda uma espada, pode ser também "faca", "navalha" ou "canivete". Está com o sufixo de possessivo na terceira pessoa do singular, traduzi-a como "embainha", no sentido de preparar.... mas estou aberta à sugestões!
לְפָנַי antes
שֻׁלְחָן נֶגֶד צֹרְרָי uma mesa em frente de meus atormentadores ( ou opressores) mas o radical de צֹרְרָי
é também usado para "odiar, afligir, empacotar, embrulhar, ou atar", sendo que no hebraico passar por aflição é o mesmo que ficar embrulhado,atado, "no estreito".
דִּשַּׁנְתָּ בַשֶּׁמֶן רֹאשִׁי Farta (engorda,consola) com azeite (óleo),
רֹאשִׁי minha cabeça
כּוֹסִי רְוָיָה Meu cálice (super) transborda, de superabundância, excesso; em Salmos 66.12 também:
"Tu nos retiraste para a abundância"
telahebraica.blogspot.com.br
v.6 אַךְ טוֹב וָחֶסֶד Porque bondade e misericórdia
יִרְדְּפוּנִי quinto e último verbo de final "ni", o passivo "me seguirão", ou me perseguirão, correrão atrás de mim, virão ao meu encalço, me buscarão, me procurarão; isso acontece porque o justo fica inserido no "círculo de justiça", ele não participa de acontecimentos do mais profundo abismo;

כָּל-יְמֵי חַיָּי Todos os dias de minha vida (Salmos 23 carrega uma promessa diária de livramento e alívio para aqueles que não se esquecem dela)
וְשַׁבְתִּי בְּבֵית-יְהוָה E morarei na Casa de YHWH, explica a necessidade de estar continuamente no espaço físico do Templo; pelo fato de sermos carne e osso, o mundo tem capacidade para nos distrair, apagando a nossa visão espiritual. Necessitamos despertar os nossos sentidos para D'us na Sua Casa.
לְאֹרֶךְ יָמִים Por longos (extensos, demorados) dias.



Bibliografia:
1.A Torá Viva - O Pentateuco e as Haftarot - Anotado por Rabino Aryeh Kaplan- Editora Maayanot;
2.Tehilim - Salmos Tradutores: Adolph Wasserman & Chaim Szwertszarf; McKlausen Editora; RJ.
3.Dicionário Português Hebraico e Hebraico Português - Abraham Hatzamri e Shoshana More-Hatzamri - ed. Sêfer
4.Dicionário Hebraico-Português&Aramaico-Português, Sinodal Vozes, 4ª edição, 1994.
5. Vídeo: Salmos 23, interpretado por Yosef Karduner.
Profª Gláucia Vilela

sábado, 19 de março de 2011

תהילים קיג - Salmos 113 - Me'kimi - Levanta



Me'kimi quer dizer "Levanta" e a letra da música de Yoseph Karduner, intercala os versículos 5 a 8 de Salmos 113 neste vídeo. Obs.: onde estiver ch, leia som de rr.


Segue a letra para acompanhá-la:
V.7 מְקִימִי
Me'kimi (Levanta)

מֵעָפָר דָּל
Me'afar dal (do pó e da pobreza)

מֵאַשְׁפֹּת
Me'ashpot (entre lixos)

יָרִים אֶבְיוֹן.
iarim 'evion (levantará o pobre)

v.8
לְהוֹשִׁיבִי
Le'choshiv (Para sentar)

עִם-נְדִיבִים
im ne'divim (com os nobres, generosos)

עִם נְדִיבֵי עַמּוֹ
im ne'divei 'amo (com nobres do povo)

v.5
מִי כַּיהוָה אֱלֹהֵינוּ
Mi ki HaShem (YHWH) Elokeinu? (Quem é como YHWH, Nosso D'us?)

הַמַּגְבִּיהִי לָשָׁבֶת
hamag'vichi lashevet (Sentado no trono)


v.6
הַמַּשְׁפִּילִי
Hamashipili (O meu árbitro)

לִרְאוֹת
lir'ot (de visão)

בַּשָּׁמַיִם וּבָאָרֶץ
Bashamaim uba'aretz (da terra e dos céus)

V.7 מְקִימִי
Me'kimi (levanta)

מֵעָפָר דָּל
Me'afar dal (do pó e da pobreza)

מֵאַשְׁפֹּת
Me'ashpot (de lixos)

יָרִים אֶבְיוֹן.
iarim 'evion (levantará o pobre)

v.8 לְהוֹשִׁיבִי
Le'choshiv (Para sentar)

עִם-נְדִיבִים
im ne'divim (com os nobres, generosos)

עִם נְדִיבֵי עַמּוֹ
im ne'divei 'amo (com nobres do povo)


v.5 מִי כַּיהוָה אֱלֹהֵינוּ
Mi ki HaShem (YHWH)Elokeinu? (Quem é como YHWH, Nosso D'us?)

הַמַּגְבִּיהִי לָשָׁבֶת
hamag'vichi lashevet (Sentado no trono)

v.6
הַמַּשְׁפִּילִי
Hamashipili (O meu árbitro)

לִרְאוֹת (de visão)
lir'ot

בַּשָּׁמַיִם וּבָאָרֶץ
Bashamaim uba'aretz (da terra e dos céus)

V.7 מְקִימִי (levanta)
Me'kimi

מֵעָפָר דָּל (do pó e da pobreza)
Me'afar dal

מֵאַשְׁפֹּת (de lixos)
Me'ashpot

יָרִים אֶבְיוֹן. (levantará o pobre)
iarim 'evion

v.8 לְהוֹשִׁיבִי (Para sentar)
Le'choshiv

עִם-נְדִיבִים (com os nobres, generosos)
im ne'divim

עִם נְדִיבֵי עַמּוֹ (com nobres do povo)
im ne'divei 'amo


Estudo do texto hebraico:
Os Salmos de 113 a 118 pertencem a um grupo de canções chamadas pela literatura rabínica de HALEL (louvor), pelo uso repetido da palavra "Aleluia" (Louvai ao Senhor). Estes são chamados também de Halel Egípcio pela referência em Salmos 114.1, pois Salmos 136 é usado como o Grande Halel.
O Halel Egípcio descreve eventos essenciais da fé judaica, milagres como o êxodo do Egito, a abertura do mar, a revelação do Monte Sinai, a ressurreição dos mortos e a vinda do Messias.
O Halel é recitado inteiro dentro da liturgia de festas como Sucot, Shemini Atzeret, Chanuká, no primeiro dia de Pessach e no Shavuot. Nos dias restantes de Pessach, são citados apenas alguns trechos (meio Halel).

Ouça o Salmo inteiro em hebraico:

Análise do texto hebraico

v.1 הַלְלוּ-יָהּ Aleluia!

הַלְלוּ עַבְדֵי יְהוָה Ale'lu 'avdei Adonai (YHWH)
Louvem os servos de YHWH

הַלְלוּ, אֶת-שֵׁם יְהוָה.Ale'lu 'et Shem Adonai (YHWH)
Louvem o Nome de YHWH

v.2 יְהִי שֵׁם יְהוָה מְבֹרָךְ מֵעַתָּה Ie'chi Shem Adonai (YHWH) me'vorach me'a'tah
Seja o Nome de YHWH abençoado desde agora

וְעַד-עוֹלָם Ve'ad 'olam
para sempre

v.3 מִמִּזְרַח-שֶׁמֶשׁ עַד-מְבוֹאוֹ Mimize'rach shemesh 'ad m'vo'o
Desde o nascer do sol (desde o oriente, o leste) até a sua chegada

מְהֻלָּל, שֵׁם יְהוָה Me'chulal Shem Adonai (YHWH)
Louvado o Nome de YHWH

v.4 רָם עַל-כָּל-גּוֹיִם יְהוָה Ram 'al col goim Adonai (YHWH)
Elevado (alto, superior) sobre todas as nações é YHWH

עַל הַשָּׁמַיִם כְּבוֹדוֹ 'al hashamaim ke'vodo
Acima dos céus está Sua Glória

v.5 מִי כַּיהוָה אֱלֹהֵינוּ Mi ki Adonai (YHWH)Elokeinu?
Quem é como IHWH Nosso D'us?

הַמַּגְבִּיהִי לָשָׁבֶת hamag'vichi lashevet
Exaltado (Elevado) no Seu trono, ou Entronizado no Alto

v.6 הַמַּשְׁפִּילִי לִרְאוֹת Hamashipili lir'ot
O meu árbitro de visão ( de parecer )

בַּשָּׁמַיִם וּבָאָרֶץ Bashamaim uba'aretz
entre os céus e a terra

v.7מְקִימִי Me'kimi
Levanta!

מֵעָפָר דָּל Me'afar dal
do pó e da pobreza
מֵאַשְׁפֹּת יָרִים אֶבְיוֹן Me'ashpot iarim 'evion
de lixos levantará o pobre

v.8 לְהוֹשִׁיבִי עִם-נְדִיבִים Le'choshiv im ne'divim
Para sentar com os nobres e generosos


עִם נְדִיבֵי עַמּוֹ im ne'divei 'amo
com nobres do povo


v.9 מוֹשִׁיבִי Moshivi
minha morada (meu domicílio, minha sede, meu assento)

עֲקֶרֶת הַבַּיִת
'akeret habait
A dona de casa ( transforma)

אֵם-הַבָּנִים שְׂמֵחָה Em habanim se'mechah
em feliz mãe de filhos

הַלְלוּ-יָהּ Aleluia!

Comentário sobre o texto:

É surpreendente a finalização de Salmos 113 com a menção sobre a alegria da maternidade. O texto ressalta também que toda gestação é um milagre divino. As mulheres estéreis sofriam mais antigamente do que hoje. Esterilidade significava pobreza e desamparo na velhice. Por causas das leis do mundo antigo, as mulheres sem filhos não podiam receber a herança de seu marido. Algumas, quando ficavam viúvas, se tornavam prostitutas para sobreviver ( eram as "prostitutas sagradas", elas escondiam os rostos com véus para realizar a sua atividade Gênesis 38). Enfim, não ter filhos era considerado uma grande maldição por causa do abandono que isso acarretava. No caso de Abigail (ISamuel 25.39-42) David livrou-a desse triste fim casando-se com ela. Ela gerou um filho e pode pela lei herdar os bens de Nabal.
O desespero de Ana (I Samuel 1.2) era que quando Elcana morresse, ela seria descartada da herança pelos filhos de sua rival Penina. Se não tivesse tido Samuel o seu destino era a miséria.
Assim descobrimos que o salmista no texto 113 se põe na triste condição de abandono e pobreza que mulher sem filhos era submetida na época. Era como se dormisse no meio lixo.



1.A Torá Viva - O Pentateuco e as Haftarot - Anotado por Rabino Aryeh Kaplan- Editora Maayanot;
2.Tehilim - Salmos Tradutores: Adolph Wasserman & Chaim Szwertszarf; McKlausen Editora; RJ.
3.Dicionário Português Hebraico e Hebraico Português - Abraham Hatzamri e Shoshana More-Hatzamri - ed. Sêfer
4.Dicionário Hebraico-Português&Aramaico-Português, Sinodal Vozes, 4ª edição, 1994.